O que é O Caminho de Santiago de Compostela 🚶‍♂️

0

O Caminho de Santiago de Compostela é uma milenar rota de peregrinação católica. Inicia-se no sudoeste da França, na cidade de Saint-Jean-Pied-de-Port, quase divisa com a Espanha, e vai até a cidade de Santiago de Compostela.

Isso você já deve ter ouvido falar, mas sabia que não é bem assim que acontece? Primeiramente, o Caminho de Santiago não é somente um caminho, são várias rotas, que iniciam-se em diversas cidades da Europa.

Outra coisa diferente dessa descrição feita acima é que não só católicos percorrem esses caminhos, mas pessoas de diversas religiões, agnósticos e ateus. Os motivos são os mais variados, o que veremos mais para a frente.

Nesse artigo queremos tirar suas dúvidas sobre o Caminho de Compostela, portanto não se acanhe em perguntar algo, teremos imenso prazer em responder. Se você tiver alguma informação a mais ou sugestão, sinta-se à vontade para fazê-la. Este blog é para ajudar os outros peregrinos, sua interação é muito importante!

Esse artigo vai mostrar a você as principais rotas do Caminho de Santiago de Compostela. Ao chegar ao fim você saberá também alguns detalhes relevantes sobre essas rotas.

Os Caminhos de Santiago de Compostela

Mapa da Espanha com os principais Caminho de Santiago de Compostela
Os Caminhos de Santiago de Compostela na Espanha

Como foi dito no início deste artigo, existem várias rotas de peregrinação que levam à Santiago de Compostela, vindas de diversos pontos da Europa. Portanto, apesar de falarmos no singular, o Caminho de Santiago não é um só caminho, são várias as rotas.

Funcionam como se fossem rios de peregrinos, muitos deles “deságuam” em outros mais “importantes”. É o caso, por exemplo, do Caminho Aragonês, que se une ao Caminho Francês nas proximidades de Puente de la Reina, na Espanha.

Por ser o mais tradicional e conhecido, quando se fala em Caminho de Santiago logo vem à cabeça o Caminho Francês. Esta talvez seja a razão de usarmos o singular quando nos referimos a ele.

Abaixo você conhecerá os trajetos mais conhecidos do Caminho de Santiago de Compostela. Cada um tem sua beleza e dificuldades, sendo que o Caminho Francês, por ser o mais procurado, é o que tem mais estrutura de albergues e apoio aos peregrinos.

As principais rotas do Caminhos de Santiago

Vários são os caminhos que levam à cidade de Santiago de Compostela. Cada um deles com sua história e sua importância. Porém alguns se destacam por serem mais procurados. São esses que mencionaremos abaixo.

Caminho Francês

O Caminho Francês é o mais tradicional e conhecido entre todos os Caminhos que levam peregrinos à Santiago de Compostela. Geralmente fala-se que ele inicia na cidade francesa de Saint-Jean-Pied-de-Port, aos pés dos Pirineus, quase divisa com a Espanha.

Essa informação não corresponde muito à realidade. É assim divulgada para facilitar um pouco o entendimento, afinal, o assunto não é tão simples. Há também os que enxergam essa peregrinação do ponto de vista turístico ou comercial, esses muitas vezes desconhecem a origem do Caminho.

O Caminho de Santiago pode começar em qualquer cidade ou povoado no trajeto do Caminho Francês. Para entender melhor, sugiro ler o artigo deste blog que fala sobre Onde Começa o Caminho de Santiago. Mas, de forma resumida, não existe um ponto exato de início, ele começa onde você inicia sua caminhada.

Distância total do Caminho Francês

Apesar de não ser o único início, podemos tomar como base a pequena cidade de Saint-Jean-Pied-de-Port por ser uma referência tradicional dessa rota. Sendo assim, podemos considerar que a distância até Santiago de Compostela é de 775 quilômetros (sem considerar as possíveis variantes).

Essa distância oficial já foi várias vezes questionada. Porém eu fiz o Caminho mais de uma vez usando GPS para marcar o trajeto. Usei, além dos dados que eu coletei, os dados de GPS de alguns peregrinos que fizeram o mesmo.

Portanto, posso afirmar que, saindo de Saint-Jean-Pied-de-Port, a distância total do Caminho Francês é realmente de cerca de 775 quilômetros ( 773,7 nos meus registros, para ser mais exato).

Porém, o caminho pode ficar um pouco mais longo dependendo das rotas alternativas que forem seguidas. Como exemplo, ir de Triacastela a Sarria passando por Samos, o que aumenta em quase 5 quilômetros o trajeto.

Quanto tempo leva

Para percorrer todo o Caminho de Santiago, desde Saint-Jean-Pied-de-Port um peregrino leva, em média, de 32 a 35 dias. Para saber mais, leia o artigo que fala quantos dias leva para fazer o Caminho de Santiago.

Foto da cidade de Saint-Jean-Pied-de-Port, na França.
A bela Saint-Jean-Pied-de-Port, que muitos consideram o início do Caminho Francês.

Estrutura

Como já foi citado, por ser a mais frequentada, essa é a rota que tem melhor estrutura para peregrinos: albergues, pousadas e hotéis. Ou seja, não faltará lugar para ficar, mesmo que não encontre lugar nos albergues de peregrinos.

Bares (onde tomamos café ou fazemos um lanche) e restaurantes também há muitos. Preste atenção aos preços e busque saber quais os peregrinos costumam frequentar. Geralmente são os melhores e mais acessíveis.

Quando ir

Para percorrer esta rota é preciso prestar atenção à época em que pretende fazer a sua caminhada.

Os meses entre maio e agosto são os mais procurados, sendo mais difícil encontrar vagas em albergues. Os meses de junho a agosto são os mais quentes – e podemos falar que é muito quente – melhor se puderem ser evitados.

Para saber mais sobre o Caminho Francês e conhecer nossa sugestão de etapas, veja aqui no blog as Etapas do Caminho Francês, onde descrevemos cada etapa, mostramos um mapa e seu perfil de altitude.

Caminho do Norte

Considerando o início em Irún, na Espanha, esta rota tem aproximadamente 885 quilômetros. A cidade de Irún é vizinha da cidade da cidade de Hendaye, na França. Por este motivos, muitos começam nesta outra cidade, o que aumenta o trajeto em poucos quilômetros.

Para que você entenda melhor, essas duas cidades são separadas pelo rio Bidasoa, que marca a fronteira entre a Espanha e a França. Podemos considerar que uma cidade é “continuidade” da outra, fisicamente falando.

Como todos os Caminhos de Santiago, não existe um ponto exato de início, esta é apenas uma referência. Você pode começar antes ou depois deste ponto.

Este caminho segue pelo litoral norte da Espanha, unindo-se ao Caminho Francês em Arzúa, cerca de 40 quilômetros de Santiago de Compostela.

Foto de Santander, na Espanha, por onde passa o Caminho de Santiago do Norte.
Santander é uma das cidades pelas quais passa o Caminho do Norte

Peregrinos que percorreram esta rota relatam que é muito bonita, principalmente pela vista do mar em vários pontos, além de passar por várias cidades litorâneas famosas.

Porém, esse trajeto é bem mais difícil, pois há mais montanhas a transpor. Se é sua primeira vez, talvez não seja a melhor escolha, apesar de sua beleza.

Via de la Plata

Esta rota começa na Andaluzia, no sul da Espanha. A Via de la Plata tem como principal referência de início a cidade de Sevilla. Partindo dessa cidade, são 966 quilômetros de peregrinação até Santiago de Compostela.

Catedral de Salamanca, cidade por onde passa a Via de la Plata.

Também é possível iniciar em Córdoba ou Granada.

Junta-se ao Caminho Francês em Astorga, uma pequena e linda cidade espanhola. Astorga fica cerca de 20 quilômetros antes da famosa Cruz de Ferro, no caminho Francês.

Caminho Primitivo

Saindo de Oviedo serão 321 quilômetros até o destino final. Também une-se ao Caminho Francês como os anteriores. A união se dá na cidade de Melide, muito conhecida pelas pulperias (restaurantes especializados em polvo, prato típico do local).

Essa rota é chamada de Caminho Primitivo porque foi a primeira rota de peregrinação a Santiago de Compostela. Ela marcou o início das peregrinações.

Foi o rei das Astúrias, Afonso II, o Casto, quem fez a primeira peregrinação, com intuito de confirmar que os restos mortais recentemente achados eram mesmo de Santiago Maior, o apóstolo. Leia mais sobre isso no artigo que conta a história do Caminho de Santiago aqui no blog. Não perca!

Apesar da distância menor que das outras rotas, este caminho é conhecido por ser bem mais difícil. A natureza e sua beleza são um alento para o peregrino, no entanto.

Este caminho é também conhecido por sua riqueza histórica e pelo patrimônio cultural.

Caminho Português

Assim como o Caminho de Santiago não é um só, o Caminho Português é formado por duas rotas. O Caminho Português Central e o Caminho Português do Interior.

O Caminho Português Central tem como “início” a cidade de Lisboa, a 617 quilômetros de Santiago de Compostela. Início entre aspas porque você pode começar em diversos pontos, inclusive antes de Lisboa.

Caminho de Santiago em Portugal
Peregrino no Caminho Português.

Muitos peregrinos, porém, preferem iniciar em Tuí, já na Espanha, a 118,6 quilômetros de Santiago de Compostela. É uma das alternativas para quem não tem muito tempo, apesar de não ser a mesma experiência que iniciar em distâncias maiores.

Caminho Inglês

Mais uma rota com duas possibilidades: desde Ferrol, com 122 quilômetros, ou saindo de A Coruña, com apenas 75 quilômetros.

Caminho de Santiago, caminho inglês
Ponte Maceira, no Caminho de Santiago em A Coruña – Caminho Inglês.

Porém, para receber a Compostela (certificado da peregrinação) saindo de A Coruña, é necessário cumprir um dos três requisitos abaixo:

  • Ter nascido na região
  • Ter carimbado a credencial do peregrino na igreja de Santiago, em A Coruña
  • Ter iniciado o Caminho de Santiago em qualquer outro país do mundo

Onde pesquisar mais sobre o Caminho de Santiago

É importante que você pesquise muito antes de ir. Prepare um roteiro, mesmo que depois, quando estiver fazendo o Caminho de Santiago de Compostela, você resolva mudar tudo.

É importante você saber as distâncias, dificuldade dos trechos e características de lugares por onde vai passar, como saber se tem onde comer e se tem água potável disponível no trecho.

Aqui no blog damos diversas dicas, você vai adorar!

Guias do Caminho de Santiago

Há diversos guias e sites com informações de todas as etapas do Caminho de Santiago, como o Guia Consumer ou o site Gronze, por exemplo. Quem pretende um dia percorrer algum destes trajetos pode usá-los para informar-se, pois são de fácil utilização.

Nesses guias você vê a distância entre as cidades, o perfil de altitude do trajeto, uma lista de albergues, a divisão por etapas e várias outras informações relevantes para o peregrino.

Aqui no blog você também encontra as etapas do Caminho Francês, com descrição, mapa e altimetria.

A maioria guias levam em conta a quilometragem e a dificuldade de cada trecho para fazer a separação por etapas. Porém, essa divisão de etapas pode variar de guia para guia, alguns distribuindo-as de acordo com o tempo que você tem disponível para percorrer todo o trajeto.

Mas lembre-se: você pode planejar os trechos do seu Caminho de Santiago como bem entender. Saiba que algumas vezes é interessante “fugir” um pouco do guia e ficar em lugares menores, fazendo suas próprias etapas.

Uma das vantagens de ser peregrino e carregar a sua mochila é não ficar preso a nada, podendo decidir onde vai dormir de acordo com o seu estado físico.

Associações de Amigos do Caminho de Santiago

Outra ótima fonte de pesquisa são as Associações. Existem diversas associações de apoio aos peregrinos do Caminho, como a Associação Brasileira dos Amigos do Caminho de Santiago. Elas podem ajudar na sua pesquisa um pouco mais a fundo.

Um pouco mais sobre o Caminho de Santiago

Atualmente o Caminho de Santiago de Compostela, principalmente o Caminho Francês, é percorrido não somente por questões espirituais/religiosas, mas também por esporte, turismo ou mesmo com fins culturais.

Seja qual for o motivo, o Caminho ensina muitas lições e sempre provoca alguma mudança nas pessoas que caminham sobre ele. Algumas destas lições só compreenderemos muito tempo depois de voltar da peregrinação, outras mais cedo.

Se você pretende peregrinar até Santiago de Compostela, se você sente que o Caminho de Santiago está “chamando”, não desista nunca desse sonho. Pode demorar um pouquinho, mas um dia você vai realizá-lo!

Busque saber sobre a Credencial do Peregrino, sobre os albergues e as etapas. Enfim, quanto mais informação, melhor!

Perguntas Frequentes

Perguntas Frequentes sobre o Caminho de Santiago

Onde fica o Caminho de Santiago?

O Caminho de Santiago de Compostela fica na Europa. Porém não existe um único trajeto, há vários caminhos que levam à cidade de Santiago de Compostela, capital da Galiza, na Espanha.

Há rotas de peregrinação originadas em diversos países, porém todos, obviamente, percorrem a Espanha, em diversas regiões. Entenda melhor aqui no blog!

Quantos quilômetros tem o caminho de Santiago de Compostela?

Se tomarmos como referência de partida a cidade de Saint-Jean-Pied-de-Port, na França, o Caminho de Santiago tem oficialmente 775 quilômetros, mas isso depende das variantes tomadas ao longo do trajeto.

É importante salientar que não existe apenas um Caminho de Santiago. Além disso, cada um tem diversos pontos de partida. Saiba mais sobre as distâncias e os Caminhos de Santiago aqui no blog, no artigo sobre a distância do Caminho de Santigo.

Quantos dias leva para fazer o caminho de Santiago de Compostela?

O tempo que leva-se para fazer o Caminho de Santiago varia, dependendo principalmente do seu ponto de partida, da divisão das etapas e do seu preparo físico.

Como referência podemos citar o Caminho Francês, iniciando a caminhada na cidade de Saint-Jean-Pied-de-Port. Saindo desse local, a peregrinação a pé leva, em média, de 31 a 35 dias. Mas você pode iniciar em diversos lugares, antes ou depois de Saint-Jean-Pied-de-Port.

Leia aqui no blog sobre as etapas do Caminho Francês e também saiba quantos dias leva para fazer o Caminhos de Santiago com mais detalhes.

Em que país fica a cidade de Santiago de Compostela?

A cidade de Santiago de Compostela fica no noroeste da Espanha, na Província da Corunha, que pertence à Comunidade Autônoma da Galiza, de onde é a capital.

A distância entre Santiago de Compostela e Madri é de aproximadamente 600km.

O que significa a palavra Compostela?

Conta a história que o túmulo do apóstolo de Cristo, Tiago Maior (Santiago), foi descoberto após uma chuva de estrelas ser vista por um eremita chamado Pelayo, no monte Lebredón.

Por esse motivo o lugar passou a ser chamado de Campus Stellae (“Campo de Estrelas”). Daí originou-se Compostela.

Recomendo que você leia também o artigo que conta a história do Caminho de Santiago de Compostela, aqui no blog. É importante principalmente para quem pretende fazer esta peregrinação.

Fontes:

Leave A Reply

Your email address will not be published.

quatro × 2 =