Onde Começa o Caminho de Santiago?3 min read

Uma pergunta que todo mundo já ouviu, e provavelmente você já tenha feito é “onde começa o Caminho de Santiago?”.

Saída de Roncesvalles, no Caminho de Santiago.

Saindo de Roncesvalles o peregrino passa por esta animadora placa.

Também é muito comum as pessoas perguntarem se alguém fez o caminho “todo” ou só parte dele. Para tentar esclarecer um pouco mais estas questões, resolvi escrever sobre este pequeno artigo.

Quando as peregrinações à Santiago de Compostela começaram, o peregrino saía da porta de sua casa para ir até o local onde estava o túmulo do Apostolo Tiago. Levava o que considerava necessário para sua viagem (a pé ou a cavalo) e partia sem data para voltar. Muitos levavam pouquíssimo dinheiro, quando tinham algum para levar, e carregavam mantimentos para apenas alguns dias. Tomavam então a direção das rotas mais conhecidas que levavam para a Espanha e, na Espanha, os caminhos que levavam para Santiago.

Caminho de Santiago, Entre Manjarin e El Acebo. Uma etapa bastante dura.

Entre Manjarin e El Acebo.

As rotas preferidas eram as rotas comerciais existentes, que passavam por grandes cidades e diversos pequenos vilarejos, como era o caso do Caminho Francês. Com o aumento da peregrinação ao longo do tempo, estas rotas foram se transformando nas principais artérias de peregrinação, ficando conhecidas como Caminho de Santiago de Compostela. E, como a maior parte destes trajetos desembocavam no Caminho Francês, este ficou sendo o mais conhecido.

Todos fazem todo o Caminho de Santiago

Resumindo: não é correto dizer que o Caminho de Santiago começa aqui ou ali. Ele começa na porta da sua casa, quando você sai para a peregrinação. Claro que você pode considerar que “começou” o Caminho na cidade onde iniciou a caminhada, é assim que a maioria faz. E este ponto será o seu Caminho de Santiago, não importando se iniciou na Holanda, na França, na Russia ou na Espanha. Não há como dizer que alguém fez “só um pedaço do Caminho” (a não ser que não tenha chegado a Santiago de Compostela). Independente se andou 300km ou 2.000 km, o peregrino fez todo o seu caminho, pois completou o que se propôs a fazer. Nem todo mundo tem condições de começar em Paris, em Le Puy ou mesmo na Alemanha. Cada um tem suas limitações, podendo ser dinheiro, condição física, tempo de férias ou qualquer outro motivo.

Peregrino acompanhado de um burro. Figura não tão rara no Caminho de Santiago.

É possível encontrar peregrinos fazendo o Caminho de Santiago acompanhados de um burrinho.

O Caminho Francês é o mais conhecido e tradicional. Por isso é comum as pessoas pensarem só na parte espanhola do Caminho. Este é o motivo pelo qual muitos pensam que o “Caminho todo” vai de Saint-Jean-Pied-de-Port (divisa com a Espanha) ou Roncesvalles (Espanha) até Santiago de Compostela. Mas isto é só uma referência!

Não importa onde você vai começar o seu Caminho, ele será algo especial que marcará sua vida. Não é fácil e não é para qualquer um, afinal as dificuldades são imensas. Isto, obviamente para quem tem como objetivo a peregrinação, não o turismo. Quem tem o turismo como motivação, pode pegar ônibus, “pular” trechos mais feios ou mais difíceis e/ou despachar a mochila para o próximo destino, ficando muito mais fácil o trajeto. Não vejo nenhum problema nisso, apenas o foco é outro. O Caminho de Santiago é para todos! E não importa onde iniciou, se chegou a Santiago de Compostela, fez o caminho todo, sempre!

Se você está com dúvidas sobre onde iniciar o seu Caminho de Santiago e quanto tempo leva para percorrer o trajeto escolhido, há um artigo aqui no blog que mostra as principais opções para o início do Caminho de Santiago. Confira!

 Buen Camino!

Print Friendly, PDF & Email
Gostou do artigo? Compartilhe!

6 Comments

  1. Ana Cecília Cappua 3 de fevereiro de 2017 Reply
    • Claudio Bittencourt Pacheco 3 de fevereiro de 2017 Reply
  2. Lucélia 24 de maio de 2018 Reply
  3. DAYELLE RIBEIRO 14 de setembro de 2018 Reply
    • Claudio Bittencourt Pacheco 15 de setembro de 2018 Reply

Deixe um comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Gostou deste artigo?
Mantenha-se atualizado!

Inscreva-se em nossa lista para receber novos artigos e novidades exclusivas para você!

Obrigado por inscrever-se!

Xiii... algo deu errado!