Santo Domingo de la Calzada, Onde a Galinha Cantou Depois de Assada

0 426

Em Santo Domingo de la Calzada, uma pequena e bela cidade do Interior da Espanha, você vê referências à figura de um galo por toda parte. O galo virou um símbolo da cidade devido a uma lenda que tem esta cidade como pano de fundo. A lenda conta um milagre que ocorreu há alguns séculos e foi protagonizada por peregrinos que percorriam o Caminho de Santiago.

Como toda lenda, você vai encontrar várias versões, cada uma com algum detalhe diferente da outras. Porém a linha principal continua sempre a mesma, independente das pequenas variações que possa encontrar.

A Lenda do Galo e da Galinha que Cantam Depois de Mortos

Pintura sobre a lenda, faz parte do retábulo da igreja de Santo Domingo de la Calzada
Pintura sobre a lenda, faz parte do retábulo da igreja de Santo Domingo de la Calzada

A história se passa no século XIV. Um jovem alemão de 18 anos chamado Hugonell peregrinava a Santiago de Compostela com seus pais. Um dia chegaram em Santo Domingo de la Calzada, que era um dos pontos de referência do Caminho, fazendo com que muitos peregrinos parassem neste lugar para descansar.

Hugonell e seus pais já estavam muito cansados quando chegaram à cidade. Decidiram então pernoitar ali, pois havia uma boa estalagem onde poderiam ficar. Hugonell, muito jovem e por isto mais cheio de energia, resolveu conhecer a cidade. Esbarrou com a filha do dono da estalagem quando estava voltando para dormir. Esta moça ficou encantada ao ve-lo! Na mesma hora sentiu-se apaixonada pelo jovem peregrino. Assim que ela teve uma oportunidade, não pensou duas vezes antes de oferecer-se a ele. Hugonell porém resistiu às investidas da moça, pois ele não sentia o mesmo que ela.

O Desejo de Vingança

Ela não aceitou muito bem a rejeição. Sentiu-se desprezada e ficou com muita raiva dele. O rancor era tão grande que ela decidiu vingar-se dele. Na calada da noite colocou uma taça de prata da estalagem na bagagem do rapaz. Pela manhã, quando a família estava se preparando para partir, ela disse ao pai que viu o rapaz pegando a taça. O pai não os deixou partir e logo chamou as autoridades. Quando revistaram as bolsas da família encontraram o objeto do suposto furto, comprovando que a menina tinha dito a verdade. Mesmo negando insistentemente e implorando por piedade, ninguém deu atenção. Afinal eram forasteiros, obviamente preferiram acreditar na moça que ali morava, sem falar que havia prova do delito.

Hugonell foi levado a um julgamento rápido, onde foi condenado pelo juiz a ser pendurado na forca. O enforcamento aconteceu no mesmo dia. Os pais, desolados, pegaram a bagagem e se prepararam para ir embora. Chorando muito, resolveram se despedir do filho, que ainda estava pendurado na forca. Colocaram-se aos pés do menino e não paravam de chorar. Foi aí que o filho falou, dizendo que não estava morto graças a Santo Domingo de la Calzada.

O Milagre Acontece

Galinheiro na igreja de Santo Domingo de la Calzada, com um galo e uma galinha vivos.
Galinheiro na igreja de Santo Domingo de la Calzada, com um galo e uma galinha vivos.

Os pais foram imediatamente até a casa do juiz, que estava almoçando naquele momento. Diante da insistência do casal, o homem resolveu atendê-los e, assim, livrar-se o quanto antes do casal. Ao ouvir a história, naturalmente riu muito. Então falou: “o filho de vocês está tão vivo quanto este galo e esta galinha que eu estava comendo, até vocês chegarem para me importunar”. Neste momento as aves recuperaram suas penas, pularam da mesa e começaram a cantar e a cacarejar.

Publicidade

Leave A Reply

Your email address will not be published.

doze + quatro =