Dicas Importantes Sobre o Uso dos Albergues

23 578

Dicas sobre o Caminho de Santiago de Compostela é o que se vê por todo canto. Mas normalmente fala-se sobre que calçado utilizar, tipos de equipamentos, onde parar, quanto peso carregar e outras coisas assim.

Com o grande crescimento do número de pessoas indo peregrinar, percebi que não vemos muitas dicas sobre como o peregrino deveria se comportar nos albergues. Não trata-se de regras, mas de consciência do que é peregrinar, do que é o Caminho de Santiago e do que é respeito.

Independente do motivo pelo qual alguém esteja percorrendo a rota Jacobea, acredito que a solidariedade e a compreensão devam fazer parte desta jornada, que trará muito aprendizado, antes, durante e depois de chegar em Santiago de Compostela.

Escrevo estas “dicas” baseando-me na vivência que tive no Caminho de Santiago e nas dicas de outros peregrinos. Algumas coisas a gente só percebe depois que alguém nos fala, outras são um pouco óbvias. Mas de qualquer forma, nunca é demais tentar ajudar os que ainda estão indo.

Espero não ter esquecido de nada, mas se você notar a falta de alguma coisa escreva um comentário. Adicionarei as novas dicas no artigo, ajudando mais peregrino!

Dicas de Uso dos Albergues no Caminho de Santiago

1. A escolha da cama (ou beliche)

Em alguns albergues, o hospitaleiro indica qual será seu leito. Em outros, a escolha é sua. Lembre-se, você estará muito cansado e sentindo-se fraco, mas os outros peregrinos também estarão!

Publicidade
23 Comments
  1. Aida Pereira Villa says

    Muito bom, está bem simples e bem ilustrativo. com certeza ajudará muitas pessoas a se tornarem bons peregrinos….
    Obrigada!

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Obrigado pelo comentário! Isso sempre ajuda a motivar para que eu continue com o blog! 😉
      Tendo qualquer sugestão de post, dúvida ou crítica, fique à vontade para entrar em contato!

  2. Andréa says

    Também achei ótimo. Estou indo pela segunda vez e é sempre bom revisitar essas informações.?

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Sim, sempre é bom. E para quem não foi, é bom saber, pois há muito material falando das etapas, falando das coisas boas do Caminho, mas esquecem de “dar uns toques” que podem ajudar na convivência com outros peregrinos.
      Agradeço o comentário, e fique sempre à vontade para escrever, sugerir, criticar ou apenas comentar! 😉

  3. Sonia Maria de Oliveira Cupini says

    Gostei muito das dicas, são bem importantes…estou começando a me preparar para o caminho e lendo dicas , comentários , sugestões e experiências já começo a me sentir lá!Obrigada !

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Bom saber que as dicas te ajudaram de alguma forma! Precisando de alguma informação é só me escrever, será um prazer ajudar.
      Buen Camino!

  4. António Mendes says

    É a 1ª vez que vou fazer o meu caminho: Lisboa > Santiago (de bike). Gostei das dicas e fazem todo o sentido, pois já tenho experiência de atividades desportivas ao fim de semana e que me obrigavam a passar fora em espaços partilhados com outros. De qualquer maneira saúdo estas sugestões, pois muita gente só pensa em si e não nos outros. Abraço

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      António, foi isto que pensei quando escrevi este post: lembrar aos peregrinos que o Caminho é solidariedade, é pensar nos outros, é cuidar dos outros. Assim o Caminho será muito mais revelador do que as pessoas imaginam!

      Obrigado pelo comentário!

      Abraços e buen Camino!

  5. Bia Hereck says

    Adorei nas dicas. Mesmo que já sabemos de tudo isso, sempre é bom lembrar.

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Olá, Bia!

      Obrigado pelo seu comentário!
      Como você disse, sempre é bom lembrarmos. Tem muita gente indo para lá, e muitos esquecendo de algumas coisas básicas do Caminho. Então resolvi fazer este post para trazer estas dicas de volta à mente… espero que ajude. ?

      Buen Camino!

  6. Azevedo says

    De facto é preciso ter muita atenção aos percevejos… verifiquem se debaixo do colchão tem estes bichos e se as camas forem de madeira, vejam se têm pintas pretas, são indícios de que estas camas estão infetadas. Infelizmente é uma praga que você não irá querer apanhar e levar para casa.

  7. Andrea says

    Obrigada! Suas informações são bem práticas. E como funciona para lavar roupa, principalmente lavar a camiseta e roupa íntima usada no dia. Tem onde pendurar a roupa para secar, já que usar máquinas para 2 ou 3 peças não vale a pena ? Outra coisinha, como foi para sua mãe de 77 anos fazer a caminhada toda?
    Gratidão

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Olá Andrea!

      Para lavar pequenas peças você pode usar um tanque ou mesmo a pia do banheiro. Secar depende, alguns albergues tem varal no exterior, outros não. Também pode estar chovendo e aí as coisas se complicam um pouco. Entra em prática então a criatividade dos peregrinos! Você pode levar, por exemplo, um pedaço de corda de nylon, daquelas de varal, é bem leve e serve para improvisar um mini varal no teu beliche.
      Outra coisa comum é, se o tempo estiver bom, pendurar as peças na mochila. Pouco tempo de caminhada e estarão secas.
      Acho que vou escrever um post falando mais sobre o assunto, com mais detalhes. Pretendo publicar nesta semana ainda. Mas fique tranquila, sempre dá-se um jeito!
      Quanto à caminhada com a minha mãe, vou pedir para que ela me ajude a responder. O que posso dizer é que já vi vários idosos com mais de 80 anos deixando muito jovem para trás! Só recomendo consultar um médico e fazer bastante atividade física antes de ir.
      Agora, se tiver bastante tempo, não precisa se preocupar. Pode caminhar trechos menores. Vou explicar melhor num post também.
      Espero ter ajudado! E qualquer dúvida que tenha, estou à disposição!
      Ah! E obrigado por ler meu blog e também por comentar! Saber que o blog foi útil para alguém me motiva a escrever mais!
      Um abraço e Buen Camino!

  8. Orlando Luiz Azevedo says

    Oi, Cláudio. Estamos gostando muito das dicas. Está sendo nossa leitura favorita. Um abraço.

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Oi!

      Obrigado! Procuro colocar mais conteúdo aos poucos. Se tiverem alguma dúvida ou sugestão, serão bem-vindas!

      Um abraço!

  9. Ana Cristina says

    Faltou indicar alguns albergues para quem não conhece o lugar.
    Grata.

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Olá Ana!

      Eu não indiquei albergues por diversas razões: a escolha do albergue pode ser uma questão pessoal (há quem prefira ficar somente nos paroquiais ou municipais); alguns albergues eram bons quando eu fui e podem não ser mais (podem ter inclusive mudado o proprietário); poderia estar sendo injusto com outros albergues indicando um, parecendo que os outros não são tão bons assim. Mas vou atualizar o artigo mostrando onde pode pegar informações consistentes sobre os albergues. No guia Consumer tem uma seção sobre isto, onde os peregrinos avaliam e comentam sobre os albergues. É uma base de dados bem rica, e desde que descobri tenho usado sempre. É importante saber que temos que ter um “filtro” para o que os peregrinos postam, pois as vezes uma reclamação é uma questão pessoal. Mas se todos estão reclamando ou elogiando, dá para ter uma ideia sobre o albergue. A seção sobre os albergues está neste link.
      Mas vou pensar com carinho na sua sugestão de ter algo no blog mesmo, ou algo que possa indicar mais diretamente onde obter estas informações.

      Obrigado por escrever, e buen Camino!

  10. Luiza Cavalcanti says

    Excelente blog. Quanto mais leio mais gosto. Expõe de modo franco e realista as vivências do Caminho. Não tenho dúvida de que o futuro peregrino que ler este blog irá ao Caminho muito melhor preparado do que aquele que não tiver esta sorte. Quem ler este blog, certamente terá muito menos chance de passar por pequenos contratempos no Caminho. E quem já foi certamente irá se divertir resgatando lembranças trazidas pela leitura. Vou recomendá-lo a todos que me perguntarem do Caminho.

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Obrigado Luiza!

      Bom saber que meu trabalho está sendo útil! Comentários como este dão força e motivação para continuar firme na atualização do blog!

      Muito obrigado!

      Claudio

  11. Denise Telles says

    Boa noite.
    Pretendo fazer o Caminho de Santiago até meados de 2020 e estou gostando demais de suas dicas.
    Como fazer para acompanhar as suas postagens ? Não sou muito boa nessa história de internet.
    Muito obrigada, e parabéns !

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Boa noite Denise!

      Obrigado por ler o blog! Fico feliz em estar ajudando!
      Para acompanhar as postagens você pode se inscrever no blog. Para isso basta colocar seu nome e e-mail no quadro “mantenha-se atualizado”. No computador fica ao lado direito. Nos dispositivos móveis o quadro fica bem embaixo. Porém há uma versão “leve” do site (para dispositivos móveis apenas) que não tem este quadro. Então, se não estiver aparecendo para você, tente digitar o endereço https://www.meuscaminhos.com.br no seu navegador. Assim deve aparecer. O quadro é na cor laranja.

      Um abraço e bom Caminho!

      Claudio

  12. Diario do Presi says

    Ficou ótimo! Eu também fiz um video para meu canal sobre Hostel, dicas e essas coisas de bom senso que muitos não ligam, aff.
    Há, esse video aí no final não está funcionando!
    Meu video sobre o hostel: https://www.youtube.com/watch?v=phZtehF5Ng4
    valeu friends!

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Obrigado Presi!

      O vídeo era uma versão dublada, provavelmente o YouTube tirou do ar. Vou ver se acho outra versão. Ele falava mais sobre albergues do Caminho de Santiago, que são exclusivos para peregrinos.

      Um abraço!

Leave A Reply

Your email address will not be published.

16 − 9 =