Caminho de Santiago: 9ª Etapa – Nájera a Santo Domingo de la Calzada

6 395

Neste dia aconselho sair bem cedo mais uma vez. Cedo mesmo, muito cedo! Não por ser uma etapa cansativa, pois não é tanto assim. Os motivos agora são outros. Primeiramente que saindo cedo você vai ter a oportunidade de ver um lindo nascer do sol (se o tempo colaborar). O outro motivo é que você está indo para Santo Domingo de la Calzada. Nesta cidade você vai ter muita coisa para fazer, como visitar a igreja e o seu museu, ir à missa e, quem sabe, subir na torre se tiver disposição. Ou então ir até Grañon, cerca de 7km para a frente (vou falar sobre isto no artigo da próxima etapa).

Sol nascendo no Caminho de Santiago, pouco depois de Nájera. É possível ver alguns peregrinos caminhando no chão de terra batida.
O sol nascendo na saída de Nájera é muito bonito. Vale a pena parar um pouquinho para apreciar.

O albergue Casa de la Cofradía del Santo é bem grande e é um dos melhores do Caminho de Santiago de Compostela. Conta com uma boa cozinha com utensílios, mesas bem grandes, muitos sofás bem confortáveis para o peregrino se esbaldar. E até wi-fi, para os que precisam mandar um oi para a família ou consultar algo sobre a próxima etapa. Os banheiros são excelentes e tem secador para as mulheres, que funcionam com moedas. Poderá aproveitar para fazer amizades, vai ter muitas oportunidades neste albergue.

Se você não gosta de albergues grandes e privados, com muita gente e está precisando de algo mais “peregrino”, tem o outro albergue, o Albergue de la Abadía Cisterciense Nuestra Sra. de la Anunciación. Não o conheço, mas quem ficou lá também gostou. Pode também andar um pouco mais (se as pernas permitirem) e ir até Grañon, o próximo pueblo, mas isto é assunto para outro artigo.

Diversos sofás na área de descanso do albergue de Santo Domingo de la Calzada
Área de descanso do albergue de Santo Domingo de la Calzada

O Trajeto entre Nájera e Azofra

A saída de Nájera é uma subida. Cerca de 1,1 quilômetro para subir 65 metros. Por um bom pedaço, se você olhar para trás poderá ver Nájera ficando lá embaixo. Quando chegar ao topo do aclive você vai descer e subir novamente para a mesma altitude em 2 quilômetros. Mas antes, se você saiu bem cedo como sugeri, o sol vai estar nascendo. Olhe para trás e veja que belo espetáculo! Aliás, não só neste ponto como também mais para a frente, sempre de uma olhada para ver o sol nascendo e, se puder, pare uns minutinhos para assistir.

Depois deste ponto não há grandes variações de altitude até Azofra. Serão 5,6 quilômetros até este pueblo. O próximo, 9 quilômetros depois, será Cirueña. Portanto, se quiser usar algum serviço, como bar, é agora! Banheiro, nem pensar até Cirueña (entendeu a dica?)!

Publicidade
6 Comments
  1. Márcia says

    Boa noite.
    Existe a possibilidade de salvar as etapas de 1 a 9 que você já publicou?
    Onde eu possa salvar no celular e eu possa ler sem necessidade de internet
    No aguardo pela ajuda
    Grata

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Marcia, eu não tinha pensado nisso ainda. Ótima ideia! Vou pesquisar para ver como fazer para disponibilizar. Para quando você precisa?
      Pergunto porque, quando terminar as etapas, posso colocar tudo em um PDF ou algo assim…
      Ah, se a ideia é usar no Caminho, lá tem wifi em muitos albergues. Além de que pode comprar um chip de telefone para emergências, com acesso à internet. Não é caro e pode ser útil. Porém… se puder usar o celular o mínimo possível no Caminho, mais a experiência será rica! 🙂
      Buen Camino!

  2. Laudelino Bitencount says

    Olá pessoal estarei fazendo o caminho em abril deste ano 25/04/17 partindo de saint jean pied pont ,até Santiago de Compostela !

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Olá Laudelino! Eu acho esta época muito boa para fazer o Caminho. Talvez eu também vá, mas no começo de abril. Tendo alguma dúvida é só perguntar que tento procurar a resposta, caso eu não saiba.
      Obrigado por ler o blog!
      Um abraço e buen Camino!

  3. Adriane Tressoldi says

    Olá Cláudio!
    Meu marido e eu pensamos em fazer o caminho pela primeira vez no próximo ano, na metade de abril.
    Estamos pesquisando e lendo muito sobre o caminho. Teus relatos estão ótimos! Estamos adorando!
    Obrigada por compartilhar!

    1. Claudio Bittencourt Pacheco says

      Olá Adriele!

      Obrigado por escrever! Que bom que estão gostando do blog, espero que ele esteja sendo útil. ?
      . Tendo qualquer dúvida pode escrever, terei prazer em responder. E se quiserem fazer um relato ao voltar, ficarei feliz em publicá-lo!

      Um abraço e bom Caminho!

      Claudio

Leave A Reply

Your email address will not be published.

onze − sete =